segunda-feira, setembro 17, 2007

COMO EU ESCREVO

Recebi da querida Meire essa tarefinha de casa.
Dizer como eu escrevo.
Bom não tenho nenhum planejamento sobre o que escrever.
Apenas quantas vezes vezes escrever. Faço isso duas vezes por semana. Agora o assunto é totalmente aleatório. Falo de tudo.
Embora todos os meus amigos já sabem que tenho uma preferência por falar da minha família, de mostrar minha família, de me mostrar.
Tudo que escrevo aqui, é muito verdadeiro. Não tenho problemas nenhum de falar da minha vida, portanto não uso pseudônimo, não invento nada.
Aliás também já disse isso aqui, não sei falar de ficção, não sei escrever sobre isso, não cordeno as idéias, e não sai nada.
As minhas histórias, no máximo tem alguma fantasia, mas baseada num fato, ou pessoas conhecidas.
Pensando nos meus, sempre que nos aparece qualquer probleminha de saúde, vou ler, vou procurar, por isso muitas vezes posto aqui artigos sobre a saúde. É que acho interessante, e então gosto de dividir.
Muitas vezes sento aqui, e penso: Hoje teria que postar alguma coisa, mas não tenho nada prá dizer. As vezes uma passeada, um comentário que faço ou vejo, já desperta o assunto, volto correndo para escrever.
Mas, há algumas vezes, que a coisa não sai de jeito nenhum, mesmo "fuçando" por aí a fora.
Como não tenho compromisso de escrever, apenas um respeito com os amigos, que já sabem o tempo que levo entre um post e outro, e que vem aqui me ver, quando consigo um assunto, venho correndo colocar aqui, agora quando não sai nada, só prá encher linguiça, não posto, prefiro que ele fique meio esquecidinho.
Bom, prá quem não sabia o que dizer neste post, pois não existe planejamento, até que escrevi um bocado.
Não vou nomear ninguém para continuar o assunto, mas qualquer um dos meus amigos que quiserem falar, fiquem à vontade.

2 comentários:

Lila disse...

também não planejo nada, vai de acordo com o dia,o momento e nem sempre escrevo...e também não uso pseudônimos....
beijos Aninha...

O Meu Jeito de Ser disse...

Lila minha querida, acho que nós que usamos mais ou menos a mesma linha de pensamento nos entendemos bem e gostamos tanto uns dos outros.
Isso aqui me enriqueceu muito. Tenho muitos grandes e queridos amigos, todos conquistados no blog.
Um beijo